FAÇA UMA DOAÇÃO
Cursos 2018-06-14T20:35:33+00:00

Objetivos:

Capacitar os alunos a interpretar e executar um projeto, assim como, a utilizar as ferramentas corretamente, com habilidade para executar cortes, encaixes e colagens como usadas na construção naval. Utilização de resinas compatíveis com o material trabalhado nas condições exigidas pelos mesmos.

 

Justificativa:

 O curso de carpintaria náutica tem como objetivo o incentivo dessa prática, o desenvolvimento de habilidades manuais e a promoção do conhecimento do mercado de trabalho náutico, o qual tem carência desta mão de obra especializada

 

Ementa:

Construção de carreta para bote.  Interpretação e execução de um projeto. Capacitação para utilizar as ferramentas e materiais corretamente.

 

Atividades:

Os alunos aprendem a lidar com ferramentas elétricas e manuais, com resina específica para utilização com madeira, finalizando com a construção carreta para bote ou peças utilizadas na indústria náutica. A programação inclui uma visita a um estaleiro e a um clube náutico.

 

Produto Final – pode variar de um curso para outro. Já foram realizados:

Construção de caiaque.

Construção de uma pequena peça de mobiliário que contenha as técnicas necessárias de revestimento, gavetas e portas, assim como, pequenos objetos que também contenham os cortes necessários e utilizados em móveis e peças náuticas.

Construção de SUP.

Construção de carreta para bote.

Objetivos: Capacitação de jovens para o mercado náutico, especificamente para as indústrias de construção de embarcações em fibra de vidro, ensinando-os as principais atividades empregadas na construção destas embarcações, tais como, modelagem, laminação e reparos.

 

Justificativa:

A grande escassez de mão-de-obra qualificada na indústria de fibra de vidro e materiais compostos, assim como a falta de instituições públicas de ensino e treinamento para profissionais deste ramo , foi a razão da criação deste curso, que visa a preparação de

laminadores, modeladores e reparadores. Todo o conhecimento adquirido neste curso também capacita o jovem para outros ramos da indústria que também façam uso deste material, assim como, para as pequenas fábricas artesanais.

 

Ementa:

Construção, modelagem, laminação e reparos de embarcação em fibra de vidro na área náutica e fábricas artesanais.

 

Atividades: Os alunos aprendem a lidar com ferramentas elétricas e manuais, com os diversos tipos de resinas, fibras de vidro e outros materiais empregados no processo. Aprendem também as diversas etapas do processo de construção e reparos de embarcações concebidas com este material. Visita técnica a um clube e/ou a feiras náuticas.

 

Espaço / Recursos:

Oficina com ventilação adequada e espaço para estocagem de material. Ferramentas: furadeiras, compressor, serras tico-tico e lixadeiras. Materiais de consumo: resina de poliéster, tecidos e mantas de fibra de vidro e outros materiais.

 

Produto Final

De forma coletiva, é efetuada a manutenção dos barcos a vela da classe Optimist ou Dingue e construção de leme.

De forma individual, os alunos constroem pequenos barcos (modelos), que poderão ser levados para casa ao final do curso.

Objetivos

Propiciar ao aluno conhecimentos básicos sobre operação e manutenção dos motores a diesel empregados nas embarcações e demais componentes do seu sistema de propulsão.

 

Justificativa

Qualificação para inserção no mercado de trabalho em clubes náuticos, marinas e estaleiros, sempre carentes de profissionais qualificados em mecânica.

 

Ementa:

Operação dos motores de veleiros e lanchas e componentes do sistema de propulsão. Manutenção mecânica dos motores e componentes.

 

Atividades

O curso será focado no segmento profissionalizante e constituído de aulas teóricas, práticas e visitas a embarcações em construção ou reparo, abordando: 1. Conceitos básicos; 2. Motores empregados na propulsão de embarcações; 3. Sistemas de motores a propulsão; 4.Equipamentos da propulsão.

 

Espaços e Recursos

Sala de aula convencional e salas de aulas prática (oficina de motores ou embarcação). Material: quadro; data show; CD/DVD; motor diesel e partes de componentes; e outros a critério do instrutor.

 

Produto Final

O aluno deverá ser capaz de atuar como ajudante qualificado em manutenção mecânica de embarcações por um período de um a três anos, até adquirir experiência de campo, para atuar como mecânico náutico.

Objetivos

Propiciar ao aluno conhecimentos básicos sobre operação e manutenção dos motores de popa empregados nas embarcações e demais componentes do seu sistema de propulsão.

 

Justificativa

Qualificação para inserção no mercado de trabalho em clubes náuticos, marinas e fábricas de embarcações, sempre carentes de profissionais qualificados em mecânica.

 

Ementa:

Operação dos motores de veleiros e lanchas e componentes do sistema de propulsão. Manutenção mecânica dos motores e componentes.

 

Atividades:

O curso será focado no segmento profissionalizante e constituído de aulas teóricas, práticas e visitas a embarcações em construção ou reparo, abordando: 1. Conceitos básicos; 2. Motores empregados na propulsão de embarcações; 3. Sistemas de motores a propulsão; 4.Equipamentos da propulsão.

 

Espaços e Recursos

Sala de aula convencional e salas de aulas prática (oficina de motores ou embarcação). Material: quadro; data show; CD/DVD; motor diesel e partes de componentes; e outros a critério do instrutor.

 

Produto Final

O aluno deverá ser capaz de atuar como ajudante qualificado em manutenção mecânica de embarcações por um período de um a três anos, até adquirir experiência de campo, para atuar como mecânico náutico.

Objetivos:

Capacitar os alunos a executarem procedimentos de costura, utilizando máquinas de costura industriais e ferramentas apropriadas a atividade de costureiro, com o foco em costura náutica.

 

Justificativa:

O mercado náutico necessita de pessoal com especialização e habilidade para costura de velas, capas de proteção, toldos, almofadas, bolsas, bandeiras, assim como, efetuar reparos variados e sempre necessários nas velas e outros tecidos existentes em uma embarcação. Fora da náutica os conhecimentos adquiridos lhe permitirão conseguir um emprego na função de costureiro, ou trabalhar como autônomo fabricando artefatos de costura variados.

 

Ementa:

Execução de procedimentos utilizando máquinas de costura industriais e ferramentas apropriadas a atividade de Capotaria Náutica. Planejamento, corte, cálculos, e acabamento com qualidade final.

 

Atividades:

O curso é focado no seguimento profissionalizante e constituído de aulas teóricas, práticas e visitas a embarcações, abordando noções básicas de unidades métricas e desenho; desenvolvimento de projeto; marcação e corte do tecido, técnicas de costura em máquina industrial; regulagem e manutenção das máquinas; noções de mecânica de máquinas de costura industriais; planilha de custos do produto, das instalações e da remuneração; interação com as outras áreas do Projeto Grael visando a aplicação prática do conteúdo assimilado.

 

Espaço e Recursos:

Sala de costura equipada com máquinas de costura, máquina de ilhoses, mesa de corte, armários e todos os acessórios necessários a costura e ao seu planejamento, assim como, materiais de consumo, tais como tecidos, cadarços, linhas, velcro e zipper.

 

Produto final: O aluno (a) deverá ser capaz de atuar como costureiro (a), utilizando máquinas industriais na confecção de capas, reparo de velas e materiais náuticos; atuar no mercado de costura náutica prestando serviços; calcular a quantidade e o custo do material utilizado. O aluno deverá ainda confeccionar uma capa para uma embarcação de forma coletiva e confeccionar um produto individual, a escolher.

Objetivos:

Conhecer os sistemas elétricos e eletrônicos utilizados em lanchas e veleiros, assim como, os circuitos básicos e seus principais componentes, normalmente utilizados nesses sistemas.

 

Justificativa:

Uma das maiores demandas dos clubes náuticos, marinas e fábricas de embarcações é o eletricista. Este curso vem diretamente contribuir com a inserção dos jovens alunos no mercado de trabalho.

 

Ementa

Instalação, reparos e manutenção dos sistemas elétricos e eletrônicos e seus componentes utilizados em lanchas e veleiros. Conhecer os circuitos básicos e seus principais componentes.

 

Atividade: O curso é focado no segmento profissionalizante e constituído de aulas teóricas, práticas e visitas a embarcações em construção ou reparo, abordando noções básicas de energia AC e DC; noções básicas de corrente, voltagem e potência; fontes de energia; banco de baterias e componentes básicos. O curso ainda tem o aspecto prático focando o conhecimento e a instalação de bomba de porão com automático; rádio VHF marítimo e sistema irradiante; autorádio FM; bomba de pressurização para água; bússola; painel solar e carregador de bateria.

 

Espaço: laboratório e embarcações

Recursos: ferramentas e equipamentos necessários ao curso.

 Produto final:  O aluno deverá ser capaz de atuar como ajudante qualificado em instalações elétricas/eletrônicas em lanchas e veleiros, por um período de seis meses a um ano, até adquirir experiência de campo, para atuar como instalador náutico.

A) INFORMATICA APLICADA

Objetivos: Efetuar a inclusão digital dos alunos do Projeto Grael, priorizando sua aplicação em ferramentas ligadas aos cursos profissionalizantes ou ainda, em necessidades de apresentações, textos e planilhas, ligados a vida profissional e acadêmica.

 

Justificativa:

A inclusão digital é hoje quase tão importante quanto a alfabetização. A exclusão do mercado de trabalho, a falta de informações em geral, o acesso a contas bancárias e até mesmo a dificuldade em se conseguir inscrições, documentação e consulta a documentos públicos se faz sentir a todo o momento, por aqueles ainda distantes deste conhecimento. O Projeto Grael promove o ensino de forma aplicada, interessante, voltado para o seu público que é ligado a área náutica.

 

Ementa:

Conhecer aplicativos básicos e utiliza-los em atividades voltadas para a oficina profissionalizante escolhida.

 

Atividades:

Os conteúdos das disciplinas de informática possuem um enfoque direcionado às especificidades de cada curso de origem do aluno, como por exemplo, o uso de pesquisa e planilhas na composição de orçamentos ou o uso de editores de texto em uma proposta comercial ou na apresentação de um curriculum vitae.

 Espaço / Recursos

Espaço: laboratório de informática

Recursos: computadores, conexão a internet, quadro, data show. P

 

Produto Final:

Ao término de cada curso, os alunos deverão estar prontos a conhecer o computador; conhecer o Software Operacional Windows e Aplicativos mais usuais, efetuar trabalhos relacionados aos cursos profissionalizantes, tais como, planilhas para cálculo de carga térmica, cálculo de carga elétrica, planilhas gráficas, apresentações de texto e edições de texto e imagens, assim como, atividades complementares a vida profissional, tais como curriculum vitae, gerenciamento de emails, segurança tecnológica, etc.

 B) EDUCAÇÃO COMPLEMENTAR – # Onda Jovem

Objetivos: complementar o conteúdo apresentado no Programa, permeando os eixos norteadores do Instituto – Meio Ambiente, Cidadania, Equipe e Liderança e Cultura de Paz.

 

Justificativa: somente a parte técnica ou esportiva não é suficiente para a formação de um bom profissional. É necessário que outros valores sejam cultivados para que a postura profissional reflita um amadurecimento pessoal, voltado para a responsabilidade e comprometimento consigo mesmo, com o próximo e com o planeta.

 

Ementa:

Integração de todas atividades com os eixos norteadores do Instituto Rumo Náutico – Meio Ambiente, Cultura de Paz, Equipe e Liderança e Cidadania – Valores e Atitudes, através de Rodas de Conversa e atividades práticas.

 

Resumo das atividades: todas as aulas estão integradas com os eixos norteadores do Instituto mas além disso, a equipe promove palestras, rodas de conversa, filmes, visitas e atividades práticas que incentive a prática desses valores no dia a dia. O voluntariado e a leitura são incentivados.

 

Espaço e Recursos

Espaço: auditório, embarcações e área externa em geral

Recursos: quadro, projetor multimídia, computadores, equipamentos de coleta de dados ambientais.

 

Produto Final

Participação nas diversas atividades propostas.

 

C) PRÁTICA ESPORTIVA

 Objetivos:

  • Promover a inclusão social através do esporte, ocupando o tempo ocioso destes jovens e despertando o senso de trabalho em equipe.
  • Desenvolver a percepção de clima e movimento, através das variações dos ventos e marés.
  • Despertar a importância da coletividade através do esporte e competições
  • Proporcionar a ligação das técnicas profissionalizantes com o seu efetivo uso no mar.

 

 Todos os alunos são submetidos a testes de habilidade em natação. Aprendem ou aperfeiçoam as técnicas de natação, recebem ensinamentos de medidas de segurança em caso de acidentes com a embarcação, desvirar os barcos com o qual passarão a treinar, e outras atividades. Começam a se ambientar com o meio náutico, aprendem terminologias, aprendem a montar e desmontar embarcações, etc. Nesta fase os alunos já têm os primeiros contatos com os barcos e podem eventualmente ir a bordo desde que acompanhados de professores;

NÍVEL BÁSICO: os alunos aprendem a montar, desmontar e os cuidados básicos com os barcos. Aprendem a velejar, remar e técnicas de marinharia (nós, falcaças, etc).

NÍVEL AVANÇADO: Aperfeiçoam as técnicas de velejar ou remar e passam a receber treinamento para eventuais competições